quarta-feira, 30 de maio de 2018

Eleições Sindicais

Os Servidores Municipais de Vitória da Conquista que são filiados ao SINSERV até 30 de junho de 2017 estão aptos a votar nas eleições sindicais do próximo dia 08 de junho de 2018 na sede do sindicato das 09 às 17h00.

Servidor, exerça sua cidadania e vote.

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

Mensagem de Natal




Ao término de 2017, queremos saudar e agradecer a todos os nossos amigos, principalmente os companheiros associados, que lutaram ao nosso lado no decorrer deste ano, tanto nos momentos alegres quanto nas horas difíceis. Lá se foi mais um ano de luta árdua e Deus há de renovar as nossas forças para que possamos continuar a lutar cada vez mais, sempre em defesa dos trabalhadores, especialmente os integrantes da nossa categoria dos Servidores Municipais.


E queremos aproveitar a oportunidade para formular a todos os trabalhadores, bem como ao povo em geral, os nossos mais sinceros votos de Feliz Natal e um 2018 de benção, saúde e muitas realizações.


São os sinceros votos do Sindicato dos Servidores Municipais de Vitória da Conquista e Região Sudoeste da Bahia.


sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Retrospectiva sindical 2017

O nosso sindicato tem por objetivo lutar em prol de todos os servidores públicos municipais de Vitória da Conquista, e o ano 2017 foi mais uma prova de nossa árdua vitória em relação aos desmandos da atual gestão.
Começamos o ano esperançosos com as inúmeras promessas de campanha do atual Prefeito em relação ao trato e valorização da categoria, no entanto, o que parecia ser um ano de realizações tornou-se um ano de decepções, perseguições e perdas.
Logo no primeiro mês da nova gestão houve um corte indiscriminado de gratificações causando grande prejuízo e dificuldades para vários servidores que já tinham conquistado esses direitos com base nas negociações realizadas pelo SINSERV, a exemplo dos monitores e instrutores de creche.
Em seguida, veio a campanha salarial com a esperança de termos a sonhada valorização prometida pelo Sr. Prefeito nas suas promessas de campanha, sendo que, na realidade, o que tivemos foi um total despreparo e decepção da famigerada proposta de 0% de aumento apresentada pelos representantes do governo na mesa de negociação, ao mesmo tempo em que a Prefeitura contratava várias consultorias com um elevado custo para o erário público.
Diante disso, o SINSERV mobilizou seus afiliados e com base em estudos técnicos e muita luta conseguiu demonstrar que a equipe do governo estava despreparada, equivocada e apresentava números discrepantes da realidade prejudicando a mesa de negociação.
Com o poder da nossa mobilização fomos para a GREVE e o governo por mais que tenha tentado nos oprimir, foi obrigado a conceder um aumento de 5% fracionados em duas parcelas, diferentemente do ano de 2016, no qual tivemos um aumento de 11,68% - mesmo com uma profunda crise nacional.
Tivemos ainda na campanha as promessas propostas pelo governo do rateio de 5 milhões de reais do Refis, Plano de Saúde (pago pelo servidor) e Plano de Habitação que até o momento estão engavetadas pelo governo, mas não esquecidas e nem descartadas pela categoria.
Houve e há, também, a perseguição incabível a vários servidores pelo simples fato de divergirem ou terem opiniões contrárias às de seus chefes imediatos, sendo colocados à disposição de outros Órgãos, mesmos sem funções correlatas aos cargos originários.
Por tanto, nessa retrospectiva só temos a lamentar e ressaltar toda nossa indignação com as inverdades, perseguições, desvalorizações, descasos e opressões promovidas pela atual gestão.
Ao mesmo tempo, devemos reforçar os ânimos para continuarmos lutando em busca da verdadeira valorização dos servidores públicos municipais de Vitória da Conquista.


sexta-feira, 11 de agosto de 2017

REUNIÕES

SINSERV E FUNDAÇÃO DE SAÚDE DE VITÓRIA DA CONQUISTA SE REUNEM


Na manhã da última quarta-feira, 09 de agosto, a Direção do SINSERV se reuniu com o Diretor da FSVC, Felipe Bittencourt e o Diretor Financeiro Diogo para discutir as questões referentes ao reajuste dos funcionários da fundação além de melhorias estruturais do hospital Esaú Matos e consignações de convênios mantidos pelo sindicato.
Lucia Gonçalves, Secretária Geral do sindicato cobrou a relação dos conveniados deve ter uma data exata para que seja enviada para o SINSERV sendo que a mesma deve ser enviada até o dia 10 de cada mês. Porém, segundo o Diretor, existe uma certa dificuldade para atender a solicitação, uma vez que a folha de pagamento da fundação só é confeccionada no dia de pagamento devido a valores diferenciados nos salários. Existem muitos casos de substituições, horas extras entre outras situações que alteram os proventos. – Disse o Diretor.


Quanto ao reajuste salarial, o Diretor Financeiro Diogo, disse que a maioria dos servidores lotados na fundação são cedidos pela Prefeitura, cerca de 133 e que, portanto, está aguardando as informações da Secretaria Municipal de Administração acerca do reajuste concedido e acordado com o sindicato.  Afirmou ainda que o pagamento está rigorosamente em dia.
Foi informado também que várias melhorias estão sendo feitas no hospital a exemplo do laboratório e também da terceirização da cozinha, fato que melhorou muito a qualidade da comida.
Citado por José Marcos a situação das homologações, uma vez que, a partir de agora só poderão ser feitas para servidores filiados ao SINSERV, o Diretor se prontificou em marcar reuniões para relatar o fato e incentivar a filiação. Foi sugerido por Francisco Ribeiro, Diretor de Comunicação do sindicato, que seja confeccionado um panfleto informativo para distribuição entre os servidores.

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

SINSERV e Administração Municipal Retomam a Mesa Permanente de Negociação


Na terça-feira 01 de agosto aconteceu a primeira reunião entre o SINSERV e a Administração Municipal. Reunidos na Secretaria de Administração, Secretários Municipais e Diretores sindicais discutiram pontos pendentes da pauta de reivindicação dos Servidores Municipais a exemplo do plano de saúde, habitação, interstício da tabela salarial além dos dias paralisados durante a greve.
Segundo os Secretários Municipais, não há como rever o percentual de 0,5% de interstício, uma vez que o reajuste concedido foi abaixo do percentual do Governo Federal. Assim, o projeto deverá ser votado na Câmara Municipal de Vereadores e, posteriormente a assessoria jurídica do SINSERV entrará com recurso na Justiça.
Quanto aos dias paralisados, a Administração e o sindicato farão uma análise sobre os Servidores que retornaram ao serviço no dia 29 de maio sendo que possivelmente estes não terão a obrigatoriedade de pagar horas nos setores.

Em relação ao plano de saúde e o conjunto habitacional, a Administração sinalizou que já está realizando estudos neste sentido e, possivelmente no mês de setembro terá uma resposta.



Durante a Assembleia Geral realizada quarta-feira 02/08 foram abordados todos estes pontos além de palestra sobre a reforma trabalhista proferida pelos advogados do sindicato, Dr. Lucas e Dr. Flávio.



você pode gostar de:

sinserv
Loading...